Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo projeto escrita criativa

Projeto Escrita Criativa - Agosto: Ventos que vem e vão

Oi, tudo bem?
Aproveitando o embalo de ontem para regularizar minhas publicações com o grupo, já vou colocar  publicação do texto de agosto.
O tema mais votado foi Ventos que vem e vão... tema vago, não?! Diria até meio filosófico.
Pensando na pobre e insignificante existência humana, podemos considerar que somos apenas "poeira no vento"; hoje estamos, não sabemos como estaremos no segundo a seguir. Isso pode nos causar desânimo, baixa auto estima, falta de perspectiva porque sentimos como se não fôssemos grande coisa; afinal, o que sou eu na imensidão do universo?
Só que da mesma forma que não somos nada, podemos também ser tudo. Só depende de cada um de nós. Quando der aquela vontade de fazer alguma coisa, de começar um novo projeto - ou de REcomeçar um projeto; aquele pique que aparece de repente, aquele up na vida que acontece do nada... essa é A HORA. 
Hora de fazer acontecer, hora de fazer a diferença, hora de ser mais para você, para alguém, para Deus, para o universo.
Cons…

Projeto Escrita Criativa (Julho) - Minha primeira memória de infância

Oi, tudo bem?
Mais um texto do Projeto Escrita Criativa... mais um texto atrasado.... perdããããããão.
O tema de julho foi "Minha primeira memória de infância", talvez por ser mês de férias e férias lembrarem infância; afinal, férias para gente grande é outra coisa beeeem diferente.

Minha primeira memória de infância.... hum, acho que o Tico e Teco se confundem ao me levar de volta à década de 80.
Nasci em 1983; minhas primeiras memórias me confudem com as histórias que mammy me conta sobre a minha infância.
Tenho memórias ótimas dos cheiros: a gema de ovo quente com sal que eu exigia tomar de manhã quando era criança (acreditem: eu AMAVA isso. Hoje em dia, mal posso sentir o cheiro do ovo, mas ainda me dá água na boca de lembrar o gosto gostoso que isso tinha de manhã, mesmo sem ter mais coragem de experimentar); a vitamina de banana que mammy fazia todo dia quando eu chegava da escola; o cheiro do feijão cozinhando no fogo; o cheiro de lavanda na roupa de cama limpa (cheiro que eu…

Postagem Coletiva Junho - Projeto Escrita Criativa

Oi, tudo bem?
Finalmente, cheguei no tema do mês corrente... "Quando o quente e o frio se encontram"... Hum, sinceramente não sei o que escrever.
Mas, se começar a pensar bem e a jogar algumas ideias para Dr. Google me ajudar, acho que consigo começar a formular alguma coisa.
Existe um texto na bíblia que fala sobre a frieza humana e sobre sermos mornos:
“Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente. Quem dera fosses frio ou quente! Assim, porque és morno e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca.” (Apocalipse 3.15,16)
Esses versículos se encontram no livro de Apocalipse e foram endereçadas à igreja de Laodiceia. Sete igrejas receberam cartas com elogios, repreensões e ações práticas as quais elas deveriam seguir. A cidade de Laodiceia enfrentava grandes problemas com o fornecimento de água, que por sua vez para suprir a população construíram tubos conectados a uma fonte distante. Mas, no momento em que a água chegava, ela estava morna e desagradável. Diferentemen…

Postagem Coletiva Maio – Projeto Escrita Criativa

Oi, tudo bem?
Tentando colocar as postagens coletivas em dia, lá vamos nós para o tema de maio (#atrasado) do Projeto Escrita Criativa: Um dia em silêncio.
Adorei o tema. Adorei mesmo. Porque amo ficar em silêncio. Amo a solidão. Meus melhores textos e minhas melhores ideias surgem quando estou sozinha, quando fico em silêncio e consigo refletir sobre tudo que está se passando na minha mente.
Ontem mesmo, na aula da escola bíblica que foi sobre o livro de Cantares (ou Cântico dos Cânticos, o livro mais romântico da Bíblia...leiam e confiram), o professor disse que quem ama aprecia a companhia do outro e não gosta de ficar sozinho. Discordo, discordo plenamente.
Eu amo a companhia do garoto; gosto de estar com ele e compartilhar com ele muitas coisas. Mas tem coisas que são só minhas; tem momentos que são só meus. E meu silêncio é muito valioso para ser compartilhado. Não acho que isso é egoísmo, muito menos acho que isso significa que não compartilho minha vida com ele. Só acho que é imp…

Postagem Coletiva – Projeto Escrita Criativa Abril

Nossa, faz muito tempo que deixei de acompanhar as atividades do grupo... #vergonha. Mas, vou tentar me redimir e colocar em dias os últimos três meses dos temas mensais.
No mês de abril (#superatrasado), o tema foi “As mentiras que nos contam”... esse assunto dá pano para manga.
Para falar a verdade, eu não sei por onde começar. É tanta mentira que a gente escuta na política, na economia, do vizinho, do “amigo”, do parente... o ser humano tem uma tendenciazinha a contar uma lorota básica, certo?!
Podia seguir a linha de pensar qual a maior mentira que já me contaram na vida... hum, não poderia não porque daí eu ia pender a contar uma história muito pessoal da minha vida que prefiro não compartilhar aqui.
Mas, aproveitando esse gancho, posso garantir que uma mentirinha – por menor que ela seja – pode causar um efeito borboleta avassalador na vida de alguém. Falo isso por experiência própria. E depois do ocorrido, por menor que ele seja, fica muito difícil recuperar a confiança. A coisa an…

Tema de março: Ser mulher é

Oi, tudo bem?

Ser mulher é.... ser controversa, ser um milhão de coisas ao mesmo tempo. E também ser sonhadora, simples, ser única.
Ser mulher é... ser sensível, ter os sentimentos à flor da pele. E também ser durona, segurar o choro e levantar o queixo para enfrentar o que for.
Ser mulher é... andar de salto alto, caprichar na maquiagem, gastar horrores no salão. E também ficar com a camisa da última eleição e chinelo havaiana em um domingo a tarde só para curtir o Faustão. De calcinha bege.
Ser mulher é... ser filha, amiga, mãe, namorada, esposa, empresária, professora, gerente, freira, pastora, cozinheira, motorista, pedreira, garota de programa... xiiii, a lista vai longe.
Para mim, a melhor definição para ser mulher é: não ter limites. Foi-se o tempo que não podíamos usar calça, não podíamos estudar, não podíamos votar. Agora, a gente usa microshorts, faz PHd na área que quiser, vota (e se arrepende quase sempre) e trabalha em dupla, tripla jornada se precisar para garantir nossa gran…

Projeto Escrita Criativa - Tema de fevereiro: Na loja de fantasias

Oi tudo bem?


Adoro Carnaval! Pode parecer estranho uma cristão dizer que gosta de Carnaval, é até controverso. 
Mas, diferente das entediantes festas de final de ano que nos obrigam a passar um tempo com parentes que não gostamos, enfrentar filas infernais em lojas abarrotadas de pessoas mau-humoradas, o Carnaval nos permite estravazar, esquecer da vida.
E ando precisando tanto disso.
No Carnaval, temos liberdade para ser o que quisermos: quer passar o feriadão com a família? Pode. Quer passar sozinho? Pode. Quer ir pro fervo e correr atrás do trio elétrico? Pode. Quer ir pras montanhas e se isolar do mundo? Pode também. Pode, pode, pode: pode tudo!
Na grande loja de fantasias do Carnaval, pode escolher a que nos fizer melhor, a que nos agradar mais e seguir em frente. Cinco dias para esquecer da vida e curtir o que melhor essa vida tem a nos oferecer. Sem cobranças, sem dores de cabeça, sem prazos, sem trânsito.
Só que... são só cinco dias.
Depois disso, muitos ainda tentam continuar com a …

[Janeiro | 2016] Postagem coletiva: Uma carta para o meu último dia de 2016 - Projeto Escrita Criativa

Olá 31 de dezembro de 2016,
Meu Deus, o ano passou voando como 2015? Acho que sim, porque ultimamente todo ano tem passado voando.
Seus dias podem ficar mais um pouco, passar mais devagar que ninguém vai reclamar. Assim, a gente não fica com a sensação de que viveu pouco, de que viveu atropelado.
Escrevo esta singela cartinha em 31 de janeiro de 2016. Expectativas à mil para o ano que se inicia depois do Carnaval para a maioria dos brasileiros – políticos, inclusive hehehe – mas que está com a corda toda já pelas bandas daqui. Como estamos no final do ano?
Como será que foi o casamento? Deu tudo certo, de acordo com o que esperávamos? E a convivência? Meu Deus, será que ainda estarei casada no final do ano?
Mammy sobreviveu ao casório? Ela está bem? E pappy? Desculpe pelo caminhão de perguntas, mas me encontro em um estado de ansiedade histórico. 
Você, querido 2016, promete fortes emoções e muitas novidades e espero realmente que você esteja terminando bem e feliz, assim como todos nós.

Olhando pra trás - retrô 2015

Oi, tudo bem?



Lógico que ela não podia faltar, né?! Mesmo em um ano tão tumultado, como poucos posts publicados mas cheios de informações, ela tinha que estar presente aqui para fechar o ano com chave de ouro. Senhoras e senhores, vem aí a retrospectiva 2015!
Começamos o ano com a tragédia do Charlie Hebdo e toda a polêmica sobre liberdade de expressão e respeito a religião do próximo. Aliás, esse ano foi um dos assuntos mais em pauta do momento. Para quem é cristão e acredita na Bíblia, sabemos que o final dos dias será difícil e de muita perseguição, não só física como já acontece na Coréia do Norte e países islâmicos e hindus, mas ideológica também como já vemos na Europa e na América. Nossos valores e conceitos são colocados em cheque todo o tempo - eu mesma passei por situações assim esse ano - e por isso devemos buscar cada dia mais a Deus para sabermos colocar nossa posição, sem abrir mão de nossos valores e sem perder o respeito ao próximo. Tarefa díficil, mas a gente consegue c…

Projeto Escrita Criativa - [Dezembro] - Minhas tradições de ano novo...

Oi, tudo bem?
Esse é o último texto, desse ano, para o Projeto Escrita Criativa, é claro!  Esse mês o tema é “Minhas tradições de Ano Novo”. Para quem gosta de escrever e ainda não conhece o trabalho, e quer participar, visite a página no facebook Projeto Escrita Criativa. Boa leitura!
Tradições de Ano Novo?! Sim, claro que tenho. Quero deixar bem claro que não tem supertição nenhuma de Ano Novo, o que é bem diferente. Nada de vestir branco - ou qualquer outra cor que não vai influenciar em nada os dias do ano que vem - nada de pular ondinha, comer romã, nem nada.
Até porque as experiências do passado distante não foram boas: antes vestia branco e tentei descer de um lugar alto com pé direito e acabei começando o ano com uma torção... Nada legal!
Me irrita profundamente essa correria do final do ano, já até falei disso aqui. Aquela sensação de que tudo precisa ser feito antes do dia 31 ou não teremos outra chance na vida. Mas confesso que acabo entrando na mesma vibe que o resto da popula…

Projeto Escrita Criativa - {Novembro} - Minha vida seria um filme de...

Oi, tudo bem?
A publicação de hoje é para o Projeto Escrita Criativa, grupo com objetivo de unir pessoas que gostam de escrever. O tema é “Minha vida seria um filme de…”. Todos que participam são livres para escrever sobre o assunto da maneira que achar melhor e mais fácil (prosa ou poesia; crônica, conto, reportagem, receita; escrever uma ficção ou se basear em fatos reais). O importante aqui é praticar! 
Minha vida seria um filme de.... aaah, acho que depende do dia, né?! Na maioria dos dias, acho que poderia ser uma comédia romântica, daquelas com cenas melancólicas. 
Por muito tempo, meu filme favorito foi Mensagem para Você (ainda é... principalmente no Natal). Sonhava em conhecer alguém como Joe Fox e trocar mensagens enormes por email... O garoto nem gosta de escrever kkkk doce ironia do destino.
Depois, me lembro de me apaixonar pelo filme Garota da Vitrine. Tive minha fase de achar super legal se envolver com caras mais velhos e o filme conta bem isso, sobre a diferença de um amo…

Projeto Escrita Criativa - Se eu fosse criança...

Se eu fosse criança...
Se eu fosse criança, acho que não mudaria nada do que fiz a minha infância toda. Tive uma infância muito feliz.
Tenho ótimas lembranças das brincadeiras em casa com mammy, das tardes na piscina de plástico, da farra com os cachorros, galos e galinhas e patinho que tinha em casa no quintal de terra.
Lembro que tinha costume de escalar o limoeiro só porque a Xuxa subia na árvore no filme Super Xuxa contra o Baixo Astral.
Lembro que sonhar que era fada e colocava um lençol nas costas, uma capa de disco na cabeça (porque a sombra parecia um chapéu de fada...ou de bruxa...) e pegava uma agulha de tricô da minha mãe para ser a minha varinha mágica.
Quanto assistir filmes dos Trapalhões, gastar VHS da Rádio do Chico Bento da Turma da Mônica e colecionar gibis da Xuxa!
Com certeza, se Deus me desse a chance de voltar no tempo, eu repetiria tudo, tudinho mesmo.
Os arrependimentos e frustrações só chegaram na adolescência. Até da escola tenho ótimas lembranças. Das professoras, …

Projeto Escrita Criativa - Do que aprendi com a vida...

Do que eu aprendi com a vida...
Título meio melancólico, né?! Tenho a sensação de que seria a frase de alguém vivido, com muita experiência para contar... daqueles papos de vô no final da tarde, com uma xícara de café, sentado na varanda da casa na velha cadeira de balanço, dando conselhos à neta novata e inexperiente.
Às vezes, eu me sinto no lugar do vô. Tenho poucos anos de vida, mas tenho a sensação de que já vivi demais, de que estou fazendo hora extra aqui na terra, como diria um conhecido.
Não sei se consegui tirar muito aprendizado de tudo que vivi. Acabei ficando uma pessoa muito desconfiada, acho que ninguém no mundo merece um voto de confiança eterno. Nem mesmo minha sombra.
Sou bem fria e cética; protejo meu lado romântica e sonhadora à todo custo e não gosto e nem sei direito demonstrar sentimentos. Tenho bastante dificuldade em retribuir, por exemplo, todo o romantismo do garoto.
A vida me deixou ansiosa, imediatista, preocupada demais com o futuro. A vida me ensinou a sempre…

#umanovamulherem30dias - dia 1

Oi, tudo bem?
Começando a maratona #umanovamulherem30dias em 3, 2, 1...
A atividade do dia 1 é nos levar a refletir sobre quem somos: olhar no espelho da alma e tentar fazer uma reflexão sobre quem você é hoje, suas frustrações e o que precisa mudar com urgência. O momento de começar a se refazer é agora, quando podemos analisar nossos pontos fracos e focar no que pode ser feito.
Começo difícil, hein?! Praticamente, fazer uma sessão de análise por conta própria. Eu sou perfeccionista ao extremo, então dá para imaginar a lista gigantesca de coisas que quero mudar em mim e não consigo, né?!
1) Temperamento Eu sou muito difícil. Difícil mesmo. E acho que, no fundo, sou assim porque a imagem de mulher dura na queda, daquelas turronas de livro de banca de jornal, acaba por ser mais valorizada por ai do que a imagem da mulher doce e delicada. A minha delicadeza beira à de uma elefanta dentro de uma loja de cristais... deu para imaginar?! E eu sei que no fundo, bem no fundo, eu posso ser mais cal…

Projeto Escrita Criativa - [Julho | 2015] Tema: Um estranho na rua

Oi, tudo bem?

Ô teminha complicado! Escrever sobre um estranho na rua... escrever o quê?!

Que eu adoro ficar observando estranhos na rua já não é novidade, então não vale para escrever.

Até poderia escrever sobre os estranhos que aparecem no meu trabalho... e vou te contar, são de cada tipo que daria para escrever uma série de vários livros com os "causos" que acontecem lá.

Mas, sabe o que eu andei pensando para escrever sobre esse tema? Que existem pessoas por aí com o mesmo hábito que eu, de observar as pessoas estranhas na rua.

E daí, começando a divagar bonito, fiquei pensando o que estes estranhos na rua pensando sobre a estranha da rua aqui - no caso, eu.

Como será que eles me vêem? Será que me acham normal? Já ouvi alguns dizerem que tenho cara de brava: será que essa opinião é unânime entre os estranhos na rua que observam a estranha na rua aqui - no caso, eu.

Será que já teve alguém que ficou me olhando, tentando adivinhar o que eu estava pensando, o que estava se …

O que não é o amor

Oi, tudo bem?
Esse post é referente à atividade do tema do mês do grupo Projeto Escrita Criativa, do Facebook.
O que não é o amor? Como responder essa pergunta? Acho que para começarmos a responder, precisamos entender o que é o amor. Mas para entender isso, penso que precisamos nos afastar de todos os conceitos que vemos nos dias de hoje por aí.
Sim, porque hoje em dia, amor é tão banal, corriqueiro, fraco, daqueles que começam e terminam num piscar de olhos.
Para mim, definitivamente não é amor o que vemos nos dias de hoje. Não vejo amor entre família, entre amigos, entre namorados. 
Você aguenta sua família, tolera seus parentes. Você tem amizades que te servem, que te trazem alguma vantagem ou benefício. Você namora para dar uns beijos, uns pegas, postar foto em rede social.
As pessoas banalizaram o verbo amar. As redes sociais estão cheias de “eu te amo”, que na verdade querem dizer “tô a fim”, ou “ele é uma boa oportunidade”, ou ainda “estamos acostumados um com o outro”!
O amor verdad…

Projeto Escrita Criativa - Morning Pages

Oi, tudo bem?

Na tentativa de dar um novo gás ao blog - e à algumas partes da minha vida - surgiu um projeto muito legal que fui convidada a participar pela Fê Rodrigues, o Escrita Criativa.
O grupo no Facebook tem o objetivo de reunir pessoas que gostam de escrever e conta com 3 tipos de atividades diferentes para participar: -  o tema do mês que é votado entre os membros do grupo -  o gênero literário (um por mês, definido pela moderação)  -  Fazendo História (em que os participantes escreverão um livro juntos)

Para começar, foi proposto uma publicação bem inusitada, as Morning Pages.
Pensando que escrever histórias é um processo intenso, que precisa de um autor inteiro, vivemos uma rotina tão estressante que, muitas vezes, temos o tal bloqueio criativo. Há um exercício – de vida, diga-se de passagem – chamado Morning Pages (Páginas Matinais, em tradução livre) que tem como objetivo “limpar a mente” e registrar ideias, falas, sentimentos e possíveis rascunhos de material de escrita. Mais q…