Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo natal

Bem vindo 2015!

Oi, tudo bem?
E a virada de vocês, como foi?
A minha foi bem sossegada. Na verdade, quase todo o feriado de final de ano foi bem tranquilo, não fosse pelo susto do Natal. Acho que não contei, né?!
Bom, apesar do falecimento da mãe de mammy bem pertinho do Natal, isso não influenciou muito nossas "comemorações" porque...bem...assim...não somos pessoas que comemoram Natal. No máximo, rola um almoço mais tchan em casa, mas nada de reunião de família, ceias à meia noite ou coisa do tipo.
Então, na semana do Natal, tive folga no trabalho - porque trabalhamos em esquema de plantão nesses dias - e aproveitei para colocar minhas atividades extra-curriculares em ordem. Claro que a minha querida doação de sangue estava entre elas.
Aproveite a manhã da véspera de Natal e fui no Hemonúcleo. Tudo certo, exames feitos, pronta para doar depois de uma longa conversa com o médico responsável - com direito àquelas perguntinhas bem constrangedoras e um papo sobre dengue porque ele teve dengue em 20…

Presentes de Natal

Oi, tudo bem?
Ho ho ho. Papai Noel chegou. Como passaram de Natal? Espero que bem, sem exageros de comida ou bebida e sem a hipocrisia que rege algumas festa de família, infelizmente.
Bom, faz tempo que estou para publicar este post sobre os presentes de Natal que escolhi dar esse ano. Na verdade, nós damos esses presentes todos os anos mas acho que nunca falei deles por aqui.
Já somos colaboradores do Portas Abertas há alguns anos. Pra quem não conhece, Portas Abertas ou Open Doors é uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países onde existe algum tipo de proibição, condenação, execução ou ameaça à vida das pessoas ou à sua liberdade de crer e cultuar Jesus Cristo.Na Coreia do Norte - muito em moda agora por causa do ataque da Sony - é proibido ser cristão. Todos os cidadãos são obrigados a adorar somente o presidente do país Kim Jong Il. Quem assume a identidade cristã é punido com morte ou prisão em campos de trabalhos forçados. No Brasil, nossa missão é divulgar e…

Dezembro

Oi, tudo bem?
Puxa vida, já chegamos em dezembro. E com ele, lá vem aquela correria de natal, compras, presentes, confraternizações, futilidades, falsidade e tudo que tem todo-santo-ano.
É, eu não gosto dessa época do ano porque acho que tudo fica muito vazio de sentido: as pessoas correm para se endividar com presentes, mas não doam nenhum centavo para caridade. Ou doam só nessa época do ano e esquecem de ajudar durante todo o próximo ano. As festas de trabalho geralmente reunem pessoas que se odeiam o ano todo, "furam o olho" de todo mundo e agora são só sorrisos e "boas festas" pra lá, "boas festas" para cá. Isso sem falar nas famosas festas de família... 
Por isso, acho que esse ano eu não vou dar presente para ninguém. E também não quero ganhar presente de ninguém. Prefiro buscar o verdadeiro sentido do natal que está há muito esquecido por todos: o nascimento do Salvador. Ontem, por exemplo, teve a descida do Papai Noel na praça da cidade e o trânsito …