Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo dúvidas

Hiatus, hiatus, hiatus

Oi, tudo bem?
É, andei mesmo pensando nisso aí esses dias. Desde o mês passado, não passo por aqui para escrever uma letra sequer e, pra ser sincera, nem tenho tido muita vontade de fazer isso. Será que está na hora de parar com o blog? Ooooooooooooooooooh....
Bom, por enquanto, eu vou tentando adiar essa ideia e tento voltar aqui pelo menos uma vez por mês para tirar as teias de aranha e dar um oi para os poucos amigos que ainda restam e passam por aqui.
Novidades? Muitas... Talvez a mais considerável coisa que tenha acontecido nos últimos dias foi que pappy voltou a trabalhar!!! Glória a Deus!!! Aleluia!!! Festa no céu!!! Os anjos digam Amém!!!
No último dia do seguro desemprego dele, aos quarenta-e-cinco-do-segundo-tempo, ele recebeu um telefonema de um processo de seleção que ele tinha participado no início do ano e foi chamado para trabalhar na mesma área que eu e mammy trabalhamos, no mesmo esquema de horário. Engraçado ver como Deus tem seu jeito próprio de unir a família na hora c…

Preciso crescer

Oi, tudo bem?
Nossa, estou precisando mesmo desabafar por aqui e o pior é que é pelo mesmo motivo de sempre: homem. Ô raça difícil de entender, hein?! Detesto ficar assim porque eu sinto que estou presa em uma espiral sem fim de idas e voltas sobre o mesmo assunto; parece que nada muda nesse departamento pra mim. E isso chega a me causar enxaqueca porque parece - ou talvez seja a realidade - que minha vida está estagnada.
Na última segunda-feira, como quem não quer nada - e talvez queira tudo - o leite-ninho apareceu no balcão do meu trabalho para buscar um documento que estava faltando pra ele. #detalhe 1: eu não liguei pra ele avisando que o documento estava pronto. #detalhe2: ele não mora perto do meu trabalho, não trabalha perto do meu trabalho, não estuda perto do meu trabalho; o que significa que a desculpa dele do "estava passando por aqui..." não cola muito bem, certo?!

Conversamos muito - quase uma hora porque o movimento estava tranquilo - e bateu aquela saudade, aque…