Mostrando postagens com marcador Dilma. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Dilma. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 11 de novembro de 2014

E o final do ano chegou...

Oi, tudo bem?

Já estamos em 11 de novembro. Confere, produção?! Como o tempo anda passando rápido, né?! Tudo bem que quem conhece a bíblia, sabia que isso ia acontecer... " E, se aqueles dias não fossem abreviados, nenhuma carne se salvaria; mas por causa dos escolhidos serão abreviados aqueles dias." (Mateus 24:22).

Então, as férias passaram mais rápido que de costume. Graças a Deus, em relação a #OperacaoCasamento, conseguimos fechar contrato com a decoradora e a empresa de foto/filmagem. A decoradora é um amor e até já me convidou para ir ver decoração em outras festas que ela faz; o preço ficou bem em conta porque contratei decoração cenográfica - a popular "artifical" mas bem feita - porque sou alérgica à flor natural e não queria ter uma crise de espirro em plena cerimônia. Ela incluiu no pacote tudo que vou precisar no dia: flores, buquê, tapete, mesa para doces, serviço de cerimonial... e ficou totalmente mais barato do que eu imaginava. Como o serviço dela foi muito bem recomendado por amigas, eu fechei negócio. Até porque a outra decoradora que eu marquei, nem se deu ao trabalho de aparecer no encontro e justificou que só ia atrasar 10 minutos: esperei meia hora e nada. Imagina no dia do casório!? 

A foto/filmagem vai ser feita com um cliente do noivo que vai dar um desconto pra gente, em troca dos serviços do garoto. Como ainda não está tudo 100% acertado, depois volto nesse assunto para mais detalhes.

Nas férias, também teve o casamento de uma prima minha de outra cidade. Pappy não quis ir porque não se dá muito bem com parentes de mammy - e fez um favor de não ir e ficar de cara feira na festa. O garoto bancou o motorista e acabou atrasando na chegada, mas a noiva atrasou mais, graças a Deus. A igreja estava bem simples e o salão era mais simples ainda e um forno. O cardápio? Pão com patê das 18h às 21h e guaraná quente à vontade.


Lá pelas nove, os noivos chegaram no salão e daí começaram a servir... prato de frios. Não era aquela mesa de frios que estou acostumada, mas pratinhos plásticos de festa de criança com 2 fatias de salame, 4 azeitonas, uma dúzia de ovos de codorna e alguns quadradinhos de queijo...quente. Mammy não aguentou e resolveu vir embora com fome mesmo.  Fora que a "atenção" dos parentes com a gente foi memorável e ficamos sentados em uma mesa de canto, fazendo companhia um para outro, o tempo todo. É, se parente fosse bom, morava junto!

Temos uma novata no trabalho agora. Aliás, duas. A equipe passou por algumas alterações e no ano que vem ficaremos com duas a menos por tempo determinado por causa da licença maternidade. O trabalho, na volta das férias, foi dobrado mas já estou colocando as coisas em ordem de novo.

E sobre o #ProjetoCasa, estamos na fase de reboco (ou reboque?) e já vamos partir para o acabamento. Não é porque é minha, mas está ficando linda!

Hum, vamos ver se estou esquecendo alguma coisa... É ruim ficar de fora tanto tempo porque a gente planeja escrever várias coisas e depois se atrapalha e não escreve nada.

O garoto me levou para ir ver Drácula - A história nunca contada em uma cinema na cidade vizinha. Coisa de primeiro mundo, tecnologia avançada e imagem mil vezes melhor do que a nossa cidade. Amei o filme, apesar da forçação de barra em algumas cenas e guardei a frase no filme no facebook "Não pense separadamente nesta e na próxima vida, pois uma dá para a outra a partida". Assistam, vale a pena!

E, infelizmente - ou felizmente, vai saber - a Dilma ganhou. Eu não votei para ela nem no primeiro nem no segundo turno, mas sinceramente fiquei muito triste com a onda de preconceito e retaliação que dominou as redes sociais na semana que seguiu a vitória dela. Gente, Deus é soberano e se Ele permitiu que ela fosse releita, Ele tem os propósitos DEle. Agora, ficar xingando nordestino, nivelando por baixo todos os beneficiários do Bolsa Família é demais, né?!  

Fiquei estarrecida com tanto ódio. Acho absurdo ver gente "esclarecida" postando inverdades, xingamentos. .. mas fico ainda mais entristecida em ver tantos cristãos chamando os menos favorecidos de oportunistas, vagabundos e não estendendo a mão para ajudar e cuidar como Cristo ensina. Será que é tão difícil entrar no Google e procurar a verdade??? Será mesmo que dá pra não trabalhar mais ganhando R$ 77,00??? Sei lá, muito medo de todo esse ódio vindo de quem eu não esperava ver. 

Independente do resultado das eleições, os cristãos tem consciência do fim próximo, dos tempos difíceis que estão por vir... Que Deus nos ajude a ficarmos firmes na Palavra para levarmos mais amor ao mundo que é o que está faltando, pelo visto! Precisamos de mais tolerância entre os indivíduos... cada um tem o direito de ser como é, crer no que quiser e só assim faremos um mundo melhor!


sexta-feira, 13 de junho de 2014

Que mané Copa que nada....

Oi, tudo bem?

E aí, alguém aí animado com a Copa? Levanta a mão!!!! rsrsrs... Bom, ontem começou a Copa do Mundo, o tal super evento que tem sido polêmica nos últimos meses no Brasil e no mundo e... ninguém explodiu o estádio. Ninguém atirou na Dilma. É, realmente não temos terrorismo no Brasil.

Todo mundo está comentando, os assuntos mais top no Twitter são relacionados à Copa e a minha sincera e humilde opinião é... que saco!

Fala sério, todo mundo falando da Copa, uns criticando e outros defendendo, mas a verdade é que ninguém está fazendo a sua parte para ver um Brasil melhor. Admite aí: você paga seus impostos em dia? Se você recebe troco a mais, você devolve? Se você achar dinheiro na rua, o que você faz? Você procura cuidar da sua saúde para não encher mais ainda os hospitais públicos?

Me coloco no bolo também; a gente acaba criticando os outros, mas não olha pro próprio rabo (desculpem a sinceridade).

Enfim, só um momento desabafo.

Depois de trabalhar a semana virada (sim, estou trabalhando direto desde a segunda passada, dia 2), eu mal podia esperar para a tarde de ontem porque, finalmente, poderia dormir. Meu início de Copa foi 3D: deitar, dormir e descansar.

Na última semana, tivemos 2 eventos grandes na empresa: primeiro, foi a Tarde Caipira que é realizada tradicionalmente todo ano e que, neste ano, nos fez trabalhar das 8h às 19h. Depois, eu ainda fui na casa de um casal amigo com o garoto para comer pizza e assistir filme. Domingo pra descansar? Sem chance! Tivemos um outro evento em uma cidade próxima para prestigiar um representante de nossa sede que será candidato na próxima eleição. Confesso que, apesar de ter ido pra lá sem muita animação, o evento estava bem gostoso e muito bem organizado. Pena que o garoto não pôde ir comigo porque tinha prova para fazer e eu acabei sentindo a falta dele pra caramba.

Domingo à noite para descansar? Sem chance de novo. Tinha assembléia na igreja para reeleição do pastor titular e, digamos que, foi bem animada. Alguns irmãos protestaram contra o atual pastor e o negócio virou um pequeno circo. Mas, por fim, tudo meio que se resolveu e a assembléia foi concluída com a reeleição do atual pastor por uma margem bem pequena. O casório está garantido!

E a semana começou com o nosso recadastramento de clientes semestral que me fez trabalhar 3 períodos direto de 2ª a 4ª feira. Na quinta-feira, que eu poderia dormir até mais tarde, minha querida chefe quis que trabalhássemos de manhã já que o expediente seria encerrado depois do almoço. Polêmicas a parte porque nem todos foram simpatizantes dessa ideia e muitos funcionários não precisaram "pagar" essas horas porque sua chefia imediata entendeu que o expediente era dado.

Pelo menos, o dia 12 começou feliz. Fui tomar café da manhã com o garoto em uma lanchonete da cidade e escolhi a opção norte-americana: omelete com peito de peru e queijo branco, mix de frutas com granola e mel e suco de laranja sem açúcar #dieta. A primeira comemoração do dia dos namorados já começou de manhã, uma vez que foi a primeira vez que conseguimos comemorar o dia 12 no dia 12.

Quando eu, finalmente, consegui chegar em casa na quinta à tarde, almocei e só queria uma coisa: CAMA. Dormi até quase a hora do jogo e só deu tempo de ver o fiasco da abertura e da "apresentação" do trio Claudia Leitte, J-Lo e Pitbull.

À noite, eu fui com o garoto num restaurante italiano e tivemos um delicioso jantar romântico com entrada, massa, vinho, sobremesa e música romântica tocada por um belíssimo violino. Foi simplesmente perfeito! Tudo bem que não estou acostumada com tanto glamour e coisas chiques, mas foi simplesmente super romântico e a gente teve tempo para conversar bastante e contar muita coisa um do outro que a gente ainda não sabia, dá para acreditar? A gente sempre conversa muito, mas sempre tem uma história nova ou algum detalhe que ainda não sabíamos um do outro. Não trocamos presentes porque a grana está curta, mas um pagou o jantar pro outro e foi tudo muito mais perfeito do que eu imaginava.

Sexta-feira 13 chegando e eu só queria ir no cinema ver A Culpa é das Estrelas; alguém na mesma vibe aí?! Só que eu acho que vou esperar um pouquinho porque não estou muito a fim de aguentar adolescentes histéricas chorando do meu lado.

Bom, por hoje é só.