Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Internet

Filme - Homens, Mulheres e Filhos

Oi, tudo bem?
Começando a maratona de filmes e séries nas férias, já coloquei meu querido seriado Forever em dia - puxa, preciso fazer uma resenha dele aqui - e terminei o terceiro volume do Quarteto de Noivas da Nora Roberts que também estou lendo - coloquei a resenha só do primeiro volume aqui.
O primeiro filme da fase férias 2015 foi Homens, Mulheres e Filhos. Confesso que amei o trailer e acabei pegando principalmente porque conta com o bonitinho da A Culpa é das Estrelas, Ansel Elgort.
O filme trata sobre as relações humanas na era da tecnologia, entrelaçando histórias de adultos e adolescentes. Baseado no livro de Chad Kultgen, o roteiro co-escrito por Jason Reitman ao lado de Erin Cressida Wilson tem início de forma grandiosa ao acompanhar a Voyager por sua jornada pelo universo enquanto a voz elegante de Emma Thompson explica que a sonda foi enviada pela Humanidade com o objetivo de transportar elementos de nossa experiência (sons, obras de arte, cumprimentos em várias línguas) e…

Temos todo tempo do muuuuundo...

Oi, tudo bem?

Sem grandes novidades por aqui. A vida está bem calma e pacata, com algumas alterações temporárias.

Novidade #1

O Toddynho arriou as rodinhas no sábado: a mangueira da água estourou e ele ficou vazando água e a temperatura foi nas alturas. Ainda bem que sou atenta àquele bendito ponteiro e notei o problema antes que o motor do meu querido fosse a óbito. Ele passou o final de semana na garagem, com um monte de toalha embaixo das rodinhas para secar o "xixi" dele...rsrsrs... enquanto eu me diverti a pé com mammy e de carona com um casal de amigos.

Novidade #2

Depois de quase ter um ataque histérico pelo que aconteceu com meu pequeno possante, resolvi encarar um programa novo com mammy e fomos a pé até o shopping da cidade para um sessão matinê do filme O HOMEM DO FUTURO. Pra quem ainda não viu, vale muito a pena: uma versão brasileira de EFEITO BORBOLETA, mas sem o tradicional moralismo norte-americano que estamos acostumados. Fora que o coração dispara e o corpo arr…