Mostrando postagens com marcador coruja. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador coruja. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Pose para o clique!

Oi, tudo bem?

Na última semana, não resisti à um impulso da pequena fotógrafa que habita no fundo do fundo, bem lá no fundo de mim e resolvi partir para a ação. Presenciei uma cena linda que era digna de um clique para a posteridade e não pude deixar o momento passar.

Estava eu inocentemente procurando um lugar para estacionar no shopping quando vi uma vaga disponível perto de um barranco que fica ao lado do estacionamento do shopping (cidade do interior é assim mesmo, minha gente). A vaga era perfeita porque eu nem ia precisar manobrar e nem fazer balisa para parar o carro lá (e o Toddynho agradece por não ter que correr o risco de ter sua bela lataria ou suas lindas calotas estragadas pela mamãe aqui...rsrsrs).

Quando eu fui descer do carro, reparei que tinha um lindo ninho de coruja na encosta do barranco e que a Mamãe-Coruja estava alerta para o caso de eu tentar chegar perto do seus pequenos Corujinhas Júniors (eu estou presumindo que eram machos, ok?!). Mais que depressa, assim que a Mamãe-Coruja detectou o perigo à vista (leia-se eu), ela fez um barulho e todos os Corujinhas Júniors correram para ficar em volta dela. A cena foi antológica e eu fiquei lá, parada na porta do carro, meio pra dentro e meio pra fora, babando naquele momento Discovery Channel só meu.

Resolvi que aquilo merecia um clique; afinal, já estava mais do que na hora de eu colocar em prática as dicas de fotografia de Dona Mirys (valeu, amiga!!!). Tive meu momento Mirys (como disse minha mãe, enquanto eu mostrava a foto orgulhosa e contava o episódio). Tudo bem, minha humilde câmera é de um aparelho celular, a resolução não é lá aquelas coisas, não tem tantas opções, mas eu me lembrei de todas as dicas da Mirys (não colocar o objeto muito no meio da foto, a regra dos terços, enquadrar o objeto, tentar limpar o espaço da foto...).

Enfim, apertei o botão! E a foto ficou assim....


É, gente. Eu tentei na primeira e acho que tremi, o celular escorregou um pouquinho e a foto acabou sendo só do mato em volta da Mamãe-Coruja e dos seus Corujinhas Júniors. Mas, daí é que está a graça dessa minha primeira incursão no mundo fotográfico.... (hihi, falei, ou melhor, escrevi bonito agora hein?!).

Teve um dos Corujinhas Júniors que ficou me olhando, me olhando e parece que ele gostou de ser fotogrado (vai que era umA Corujinha com vocação de Gisele Bundchen). Daí, apesar dos protestos da Mamãe-Coruja, o pequeno Corujinha Júnior veio pra frente um pouquinho, cabisbaixo, andando meio desengonçado, arriscando os primeiros passinhos e parou. Ficou me olhando com uma carinha do tipo "Tá bom para você, aqui?!". Não teve como não sorrir praquela cena linda e tentar tirar uma outra foto. Ele ficou lá paradinho, com a mamãe Coruja do lado, escondendo os outros Corujinhas Júniors e a foto ficou assim...

Então, o que acham? Levo jeito pra coisa?

O fim de uma era

Oi , tudo bem? Não, esse post não é sobre o fim do blog. Apesar de não atualizar mais com tanta frequência, continuo voltando aqui vez ...